2021 será o ano de despedida das séries “Supergirl” e “Raio Negro”, porém isto não significa dizer que ficaremos órfãos de conteúdos da DC na TV. Apesar das despedidas, alguns rostos novos serão apresentados ao público nos próximos anos. Dentre as estreias, podemos citar “Superman & Lois“, protagonizada por Tyler Hoechlin e Elizabeth Tulloch, reprisando seus papéis como Clark Kent e Lois Lane, respectivamente. Outro lançamento previsto é o recém anunciado spin-off de “Raio Negro”, focado em Khalil Payne, o Painkiller (Jordan Calloway). Além destes personagens já conhecidos, o canal The CW nos apresentará histórias novas, como a série “Wonder Girl”, focada na Mulher-Maravilha brasileira Yara Flor e mais recentemente produção protagonizada por Naomi, um dos mais novos heróis da DC Comics, criada pelos escritores Brian Michael Bendis e David F. Walker e pelo artista Jamal Campbell em março de 2019. 

A personagem chama-se Naomi McDuffie e é uma jovem que superpoderosa, tendo sua força e resistência aprimoradas, além da capacidade de voar, levitar e gerar ondas de energia ao redor de seu corpo. Ela foi adotada por Greg e Jen McDuffie e criada como uma pessoa comum na cidade de Port Oswego, Oregon. Porém sua história começa um pouco antes disso, na verdade ela nasceu em uma versão alternativa da Terra, onde a camada de ozônio do planeta foi destruída pelos humanos, permitindo que uma radiação misteriosa vazasse para a superfície. Tal radiação deu poderosas habilidades para 29 pessoas aleatórias ao redor do mundo, ocasionando uma guerra entre aqueles que buscavam usar seus poderes para governar o planeta e aqueles que se opunham a eles. 

Ao final, todos menos oito desses seres foram mortos ou deixaram a Terra em resposta à violência e destruição causadas pelos outros. Estes oito indivíduos “talentosos” foram capazes de manter uma trégua até que uma delas, a mãe de Naomi, se tornou a única pessoa capaz de engravidar, assim nasceu a pequena Naomi. Isso fez da criança um alvo para Zumbado, um ser superpoderoso e assassino que tinha conseguido conquistar metade do planeta e estava obcecado em provar sua superioridade sobre os outros. Desesperados para proteger sua filha, os pais de Naomi a entregaram aos seus aliados, e eventualmente a trouxeram para o Universo Primordial. 

Até o momento, sabe-se que na adaptação a personagem irá descobrir a verdade por trás de sua origem após “um evento sobrenatural abalar sua cidade natal até o âmago”. Outra informação, diz respeito à protagonista buscar no Superman a figura de um mentor e eventualmente ela viajará para Metropolis, com o intuito de conhecê-lo.  Como as séries ambientadas no CWverso são conhecidas pelos seus crossovers, é de se esperar que o Superman de Tyler Hoechlin poderá desempenhar um papel significativo na série. [ Via: CBR]

“Naomi” está sendo desenvolvida pela cineasta Ava DuVernay (Selma) e pela escritora e produtora executiva de Arrow, Jill Blankenship. 

Se deseja entender mais sobre a história da personagem, nossos redatores Rebeca Vilas Boas e Ricardo dos Santos discutiram a HQ “Naomi” durante o “Clube de Leitura da Vovó Bondade” em nosso Instagram, confira abaixo: 

Sobre Lucas

Sou publicitário formado pela UFSM, mestre e doutorando em comunicação pela UFSM também. Fora isso, apenas alguém apaixonado pelo mundo nerd.

Últimas notícias