Diretor e elenco de ‘Peacemaker’ comentam o episódio final

    Atenção! Contém spoilers do episódio 8.

    Nesta quinta-feira (17), o último episódio da primeira temporada de Pacificador foi lançado na HBO Max, e o diretor James Gunn e elenco decidiram compartilhar, via Twitter, algumas curiosidades sobre o seriado enquanto assistiam o final. Os fãs também interagiram com a equipe e fizeram algumas perguntas interessantes.

    Ao ser questionado sobre como descreveria o relacionamento entre Chris e Adrian [Pacificador e Vigilante], Gunn respondeu:

    “Chris obviamente se preocupa com Vig – ele ficou chateado quando pensou que tinha morrido. Mas ele também está um pouco irritado com ele do jeito que ele seria com um irmãozinho.”

    Um fã perguntou se a introdução mudaria na próxima temporada. Gunn disse que provavelmente precisaria mudar, porque a maioria das pessoas nela não estão mais vivas. Ainda sobre a introdução, o diretor compartilhou que ela (“Do You Want to Taste It“) foi escolhida por ter vários duplos sentidos e desde o início ela seria usada no episódio final.

    O diretor comentou que não estava nos planos dele que Harcourt falasse “Mãe” para Waller, foi um improviso ousado de Jennifer Holland. Ele também comentou que adorou o visual da vaca, mas que sentiu pena dela. E a caverna onde a vaca estava foi criação da designer de produção Lisa Soper.

    Não podendo faltar fotos, Gunn publicou uma com a legenda “Descanse em paz, canela do Economos”.

    “Economos sendo encurralado e sua vida dependendo de ser verdadeiramente autêntico é um dos meus momentos favoritos no seriado (assim como Pacificador vendo as repercussões que suas palavras têm em outras pessoas). Que belo trabalho do Steve Agee.”, comentou Gunn.

    De acordo com Gunn, o produtor Simon Hatt acompanhou a cena em que eles explodem a borboleta com o capacete e Simon não sabia que se tratava de um boneco e pensou que eles tinham realmente explodido o ator!

    James Gunn comentou ter ficado arrepiado quando gravou a cena de ação de Adebayo, por que em quase todos os episódios ela falava para alguém “Eu não fui feita para essa merda”.

    Ao compartilhar uma foto dos bastidores, Gunn elogiou Wayne Dalglish e sua equipe de dubles pela coreografia das lutas do episódio.

    Um fã argumentou “Goff tinha razão em algumas coisas, mas o Pacificador tomou a decisão certa… Eu acho. Na minha opinião” e o diretor respondeu:

    “Talvez. Mas eu acho que ele tomou a decisão certa para ele mesmo, espiritualmente. Ele tem vivido em uma prisão de seus próprios ideais, nascido de um trauma, por toda a sua vida. Ele faz uma mudança real aqui.”. Em outro momento o diretor comentou “E ainda, o Pacificador continua com seus demônios, aqueles que não podem ser parados por uma bala no cérebro, porque algumas vozes vivem dentro de você para sempre”.

    Ao postar uma foto nos bastidores com John Cena e Danielle Brooks, Gunn escreveu “A história de amor entre esses dois é uma das coisas prediletas da série. Se eles podem amar e entender um ao outro, quem não pode?”. Detalhe para Cena segurando uma empada.

    “Na cena do hospital, John Cena começou a chorar quando pegou a mão de Jennifer e ela começou a chorar também. A câmera não estava focando nele. Provavelmente o momento mais vulnerável da vida da Harcourt.”, disse Gunn ao postar uma foto de Jennifer maquiada.

    Para o diretor, um dos momentos mais tristes do seriado é quando o Pacificador está alimentando Goff pela última vez. Gunn finalizou agradecendo a todos que acompanharam o seriado, além de declarar seu amor pela equipe criativa que deu vida ao projeto. “Até a segunda temporada”.

    Danielle Brooks, que dá vida à personagem Adebayo, também se juntou aos comentários ao vivo no Twitter. Porém, a atriz começou três horas antes ao se confundir com o fuso-horário.

    “Eu acho que Adebayo mereceu todos esses [barulhos de] peidos.”

    Ela compartilhou uma foto dos bastidores:

    A atriz pediu para os fãs perguntarem qualquer coisa sobre o seriado. A colega de elenco Jennifer Holland, intérprete da Harcourt, iniciou perguntando “Por que Jenn é sua colega de elenco favorita?”, Danielle respondeu: Porque ela é a mais fodona dos fodões!

    Um fã perguntou qual era a parte favorita de Danielle sobre a evolução da personagem ao longo da temporada. “Quando ela fala ‘Porque eu fui feita pra essa merda!’ ela duvidava dela mesma o tempo todo e ela finalmente percebeu que ela é capaz de arrasar!”, a atriz respondeu.

    Ao ser questionada sobre o que eram as tripas da vaca, Danielle respondeu que não sabia exatamente o que eram, mas precisou usar mel e tinta vermelha para não sair de pele dela durante as gravações.

    Danielle disse que se divertiu de forma segura usando armas de fogo e sendo fodona. “Eu nunca vou me esquecer quando James Gunn me disse ‘Eu acho que agora você pode se chamar de uma heroína de ação’”.

    A atriz disse que odiou assistir pessoas vomitando, e adorou a conexão entre Adebayo e Harcourt, “Elas realmente se preocupam uma com a outra”. Ela também compartilhou uma foto com a atriz Elizabeth Ludlow, que vive o papel de Keeya, esposa de Adebayo. Elizabeth também comentou sobre o episódio, dizendo ter adorado as cenas de ação e que vai sentir saudades do elenco.

    “Esse discurso de Economos foi muito tocante! Ele deveria ganhar por melhor performace da semana/mês/ ou ano! Muito bom! Steve Agee, bravo! Você estudou em Juilliard?”, Danielle refere à instituição de artes performáticas Juilliard, considerada uma das melhores universidades de dramaturgia.

    Danielle agradeceu a todos que acompanharam o seriado. Sobre retornar para a segunda temporada, a atriz disse “Somente o tempo dirá”.

    Jennifer Holland também reagiu ao episódio no Twitter. Assim como o diretor, a atriz também gostou do visual da vaca, dizendo “Eu também [amo]. Esses olhos”.

    Jennifer comentou que a cena da luta final do episódio foi “Uma das sequências mais maneiras que eu poderia pedir para fazer parte”. A atriz elogiou a equipe responsável pela coreografia de luta que ficou muito realista. E ela também disse ter amado a cena entre Harcourt e Adebayo quando sua personagem está gravemente ferida no chão.

    É claro que a atriz não deixaria de mostrar os bastidores da incrível maquiagem do episódio com a legenda “Uma garota precisa comer”.

    E ela se despediu dizendo “Este foi literalmente o momento da minha vida. Obrigado a todos por assistir. Aqui estão algumas coreografias que fiz para a 2ª temporada.” junto com um vídeo.

    Economos não ficou de fora!

    O ator Steve Agee compartilhou o tempo de gravação da série: “Os primeiros 7 episódios levaram cerca de 12 à 15 dias para gravar cada um. O final levou 21 ou 22, acho que porque eram principalmente gravações noturnas e naquela época do ano havia muito pouca escuridão, então tivemos que adicionar mais noites para gravar”.

    Depois de compartilhar uma foto durante as gravações noturnas, o ator completou dizendo que é pior quando as gravações começam a noite e continuam pela manhã.

    Steve brincou dizendo que ele precisava ser patrocinado pela L’Oréal depois do discurso de Economos sobre a cor da barba. Ele também compartilhou um vídeo do produtor e diretor assistente Lars Winther lendo uma cena de Economos.

    Freddie Stroma que interpreta o Vigilante elogiou os colegas de elenco, especialmente a atuação de Steve Agee no episódio final.

    O ator brincou dizendo que “A vaca era um soldado durante as gravações. Estava pendurada lá, nunca parava para almoçar. Nunca usou o banheiro. Verdadeira profissional.” E ele adorou o quão longo foi a cena em que eles ficam olhando Eagly voar com o capacete.

    Ele também comentou sobre como o Vigilante sempre usa janelas como plano de fuga, não importando o andar.

    O pai do Pacificador também estava presente! O ator Robert Patrick comentou que a cena com os barulhos de peido foi hilária. Um pouco depois ele completou dizendo que o episódio todo foi hilário e a equipe é muito boa junta.

    Quando perguntado se ele estava feliz em aparecer no episódio mesmo que o personagem estivesse morto, ele respondeu: “Oh, eu amo a sensação de ser um fantasma me dá licença para levar o personagem a novos extremos!”

    Robert elogiou a atuação de Steve Agee, e ele admitiu que a cena foi de extrema vulnerabilidade, algo que o deixou realmente emocionado. O ator também comentou sobre o discurso de Goff, interpretada pela atriz Annie Chang. De acordo com Robert, a atriz fez um ótimo trabalho e Gunn escreveu palavras muito convincentes, o que foi uma decisão difícil para o Pacificador.

    Ele finalizou perguntando “Então essa foi a última gosma para a borboleta?”

    Por falar em Annie Chang, a atriz que foi a detetive Song e depois a líder das borboletas, comentou que estava com bastante medo ao longo da temporada por causa do monólogo final. Ela agradeceu ao diretor por confiar nela e comandar o seriado.

    Ela compartilhou o treino para fazer a cena de ação no último episódio e disse que seu momento favorito foi quando a personagem dela anda com todos os policiais recém transformados em borboletas.

    A atriz disse que a maior diferença entre os dois papeis que ela interpretou no seriado foi que a detetive Sophie faz o que é certo, não importando o que aconteça, mas quando virou uma borboleta ela só se importava em salvar seu próprio povo. De acordo com ela, foi fácil simpatizar com os dois.

    Lochlyn Munro, o detetive Fitzgibbon, brincou dizendo que estava digitando freneticamente algumas ideias para James Gunn sobre a segunda temporada: um universo paralelo, talvez uma história se passando anterior aos eventos da primeira.

    Ele agradeceu a todos pela jornada que foi participar do seriado, em especial para a parceira de cena Annie Chang, ao qual foi uma companhia maravilhosa.

    A esposa de Christopher Heyerdahl, o capitão Locke, chorou muito com o destino da vaca, mas não pelo personagem dele. Um fã comentou que Christopher fez uma cara bem triste quando a vaca morreu e o ator respondeu que ele não precisou se esforçar muito, pois já estava triste antes dela morrer.

    O ator questionou se temos certeza se Locke realmente morreu. Um fã afirmou que ele levou um tiro na cabeça e Christopher brincou “Ai! Isso doeu… por um milissegundo”.

    Nhut Le, intérprete do Judomaster, brincou bastante sobre o personagem sempre comer Cheetos apimentado.

    Assim como a maioria do elenco, Nhut elogiou a atuação de Steve e também adorou o visual da vaca, achando-a muito fofa. O ator também elogiou as cenas de luta do seriado e a atuação de Annie no episódio. Ele disse que ficou surpreso quando viu que o Pacificador foi resgatado dos escombros por Goff!

    Nhut agradeceu aos fãs que disseram estarem emocionados com a reação de Judomaster ao chegar tarde demais, encontrando as borboletas mortas. Ele brincou dizendo que ele [Judomaster] chegou tarde demais, igual certos personagens.

    John Cena, o Pacificador, não participou do watchparty, mas deixou um recado no twitter:

    “Se você não consegue lidar com a Paz, então saia… as velhas ferramentas de auto-reflexão e um bom terapeuta…cave profundamente dentro de sua alma e de si mesmo para descobrir por que você é tão motivado por conflitos.”

    A temporada completa de Pacificador está disponível na HBO Max e foi oficialmente renovada.

    Rayanne Matos
    Rayanne Matoshttps://terraverso.com.br
    Capixaba. 1993. Bióloga. Sarcasmo. Socialmente distante. Hera Venenosa. Torre de Babel. Me envie fanfic. Time is money, money is power, power is pizza and pizza is knowledge. Let’s go!

    Deixe seu comentário

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Você pode gostar

    Siga-nos

    24,169FãsCurtir
    15,600SeguidoresSeguir
    19,531SeguidoresSeguir

    Últimas Postagens