O criador da HQ Sandman, Neil Gaiman, deu uma atualização sobre a série Sandman da Netflix e sobre a adaptação do audiolivro, incluindo o quão fiel as adaptações serão comparadas à série original dos quadrinhos.

Nas palavras de Gaiman, a série da Netflix será uma “adaptação um pouco mais livre, mas ainda fiel”. No painel do Sandman #DCFanDome, Gaiman descreveu como as coisas estavam indo com a produção da Netflix:

“Graças ao COVID, tudo, como acontece com todas os outros programas de televisão feitos em todo o mundo, apertaram o botão de pausa … aproveitamos nosso botão de pausa para obter os roteiros o mais perto da perfeição possível, o que tem sido muito divertido. “

Enquanto as coisas ainda estão em segredo, Gaiman citou uma mudança da série Sandman em comparação com a original e com o audiolivro:

“Parte da alegria de fazer a adaptação de áudio foi ‘Essa vai ser a coisa mais próxima que podemos fazer das três primeiras histórias em quadrinhos’ … O que estamos fazendo com a Netflix é tipo ‘Ok, ainda vai começar em 1916, mas o que acontece no Sandman # 1, o ponto em que começa não é 1888, é agora.”

Ele completou:

“Como isso muda a história?” Gaiman ponderou. “O que isso vai fazer com o gênero dos personagens? O que isso vai fazer com a natureza dos personagens? O que isso vai fazer com a história? Isso vai ser uma delícia … nos dá uma liberdade tremenda . Se estivéssemos fazendo isso agora, o que Sandman seria? Isso é muito libertador”.

O que vocês acharam da mudança na série da Netflix,  com ela se passando nos dias atuais? Fiquem ligados para mais novidades do FanDome!

Sobre Daniel

Avatar

Louco por explorar vários cantos da cultura pop, em especial filmes e HQs. E em especial os da casa das Lendas, que produziu e continua produzindo tantas histórias marcantes.

Últimas notícias