O site Heroic Hollywood publicou a declaração oficial da Warner Bros. sobre Ray Fisher e suas alegações de má conduta envolvendo o diretor Joss Whedon e o produtor Geoff Johns no set de gravações de Liga da Justiça. Confira abaixo:

“Em julho, os representantes de Ray Fisher pediram ao presidente da DC Filmes, Walter Hamada, para falar com o Sr. Fisher sobre suas preocupações durante a produção de “Liga da Justiça”. Os dois já haviam conversado quando o Sr. Hamada lhe pediu para reprisar seu papel como Cyborg no próximo filme da Warner Bros. ‘The Flash’, juntamente com outros membros da Liga da Justiça. Na conversa de julho, o Sr. Fisher contou os desentendimentos que teve com a equipe criativa do filme sobre sua interpretação como o Cyborg, e reclamou que suas revisões de roteiro sugeridas não foram adotadas. Hamada explicou que as diferenças criativas são uma parte normal do processo de produção, e que o roteirista/diretor de um filme, em última análise, tem que estar no comando dessas questões. Notavelmente, o Sr. Hamada também disse ao Sr. Fisher que ele levaria suas preocupações à WarnerMedia para que pudessem conduzir uma investigação. Hamada nunca “jogou alguém debaixo de um ônibus”, como o Sr. Fisher alegou falsamente, ou fez qualquer julgamento sobre a produção da “Liga da Justiça”, na qual o Sr. Hamada não teve envolvimento, uma vez que as filmagens ocorreram antes do Sr. Hamada ocupar à sua posição atual.

Enquanto o Sr. Fisher nunca alegou qualquer má conduta acionável contra ele, a WarnerMedia, no entanto, iniciou uma investigação sobre as preocupações que ele havia levantado sobre a representação de seu personagem. Ainda não satisfeito, o Sr. Fisher insistiu que a WarnerMedia contrataria um investigador independente de terceiros. Este investigador tentou várias vezes se encontrar com o Sr. Fisher para discutir suas preocupações mas, até agora, o Sr. Fisher se recusou a falar com o investigador. A Warner Bros. continua comprometida com a responsabilidade e com o bem-estar de cada elenco e membro da equipe, em cada uma de suas produções. Ele também permanece comprometido em investigar qualquer alegação específica e crível de má conduta, que até agora o Sr. Fisher falhou em fornecer.”

O jornalista do The Hollywood Reporter, Borys Kit, afirma que Fisher está em negociações para reprisar o seu papel como o Cyborg no filme do Flash, e agora, esse posicionamento do estúdio pode complicar o futuro do ator.

“O que está complicando tudo isso é que Fisher está profundamente envolvido em conversações/negociações para reprisar o Cyborg no filme do Flash.”

Após anos de protestos nas mídias sociais, a Warner Bros anunciou oficialmente que o corte da “Liga da Justiça” do diretor Zack Snyder, será lançado pela HBO Max. Fisher teve diversas cenas como Cyborg/Victor Stone cortadas da versão que chegou aos cinemas, e isso se confirmou com os diversos compartilhamentos de Snyder, em suas redes sociais, que mostraram muito dessas cenas deletadas.

Sobre Willyan

Willyan Bertotto

Publicitário. Diretor de Arte, Designer e Batmaníaco. Fã incondicional da DC Comics e pesquisador assíduo desse universo e todas as suas possibilidades de transformação.

Últimas notícias