No mês passado, foi confirmado que a atriz Ruby Rose não voltaria para a segunda temporada da série da The CW, no papel de Kate Kane / Batwoman. Então, no início desta semana, surgiu um rumor no Reddit que apresentava uma nova chamada de elenco, sugerindo que a produção substituísse Kate Kane por uma um nova personagem assumindo a capa e o capuz da Batwoman. Agora, a showrunner da série Caroline Dries confirma a substituição e explica o porquê.

Durante o ATX Television Festival virtual (via Give Me My Remote), Dries explicou que, embora considerassem seguir em frente com uma reformulação para a Kate Kane de Rose, pois os episódios da segunda temporada já estavam escritos, o produtor executivo Greg Berlanti a ajudou para seguir uma nova direção com a personagem.

“Então, para ser sincera com você, considerei a versão da série por alguns momentos, de forma egoísta, porque já tínhamos alguns episódios escritos e, em termos de transição, seria perfeito, pois começaríamos a 2º temporada.” Disse Dries. “Mas após uma reflexão mais aprofundada, com Greg colaborando para fazer essa ligação, sendo que ele é muito mais esperto do que eu sobre esse tipo de coisa, ele propôs: ‘Sabe, acho que devemos apenas reiniciar a personagem na ideia de reiniciar a Batwoman, como uma personagem diferente.” Uma forma de respeitar também tudo o que a Ruby [Rose] propôs na personagem Kate Kane.”

A mudança descoberta pela primeira vez no Reddit, afirmava que a seleção de elenco busca uma atriz para a personagem chamada Ryan Wilder, descrita como alguém que “está prestes a se tornar a Batwoman. Ela é simpática, bagunçada, meio descuidada e indomável. Ela também não é nada parecida com a Kate Kane. Ryan passou anos como traficante de drogas, esquivando-se da GCPD e mascarando sua dor através dos seus maus hábitos. Uma garota que roubava leite para um gato de rua, mas também podia matá-lo com suas próprias mãos, Ryan é o tipo de lutadora mais perigosa: altamente qualificada e descontroladamente indisciplinada. Uma lésbica por fora. Atlética. Apaixonada. Falível. E muito inferior aos heróis estereotipados de todos os americanos.” dizia a descrição.

Quanto ao impacto sobre uma reinicialização da personagem Batwoman, é possível que a segunda temporada da série seja muito diferente quando estrear em janeiro de 2021. A primeira temporada se concentrou fortemente na vida pessoal de Kate Kane. Como prima de Bruce Wayne/Batman, Kate tinha acesso fácil aos recursos necessários para servir como protetora de Gotham, sem mencionar os elementos dramáticos oferecidos pela relação antagônica entre Jacob Kane – o pai de Kate – e a Batwoman, bem como a o fato do vilão principal da série não ser outro senão a irmã gêmea perdida de Kate, a Alice (Rachel Skarsten).

A proposta de uma nova Batwoman que não seja Kate Kane, já inflama o questionamento de alguns fãs se perguntando como – ou se – a série será capaz de trabalhar essas conexões pessoais que eram parte intrínseca da série.

A segunda temporada da série chegará em janeiro de 2021 na CW.

Sobre Willyan

Willyan Bertotto

Publicitário. Diretor de Arte, Designer e Batmaníaco. Fã incondicional da DC Comics e pesquisador assíduo desse universo e todas as suas possibilidades de transformação.

Últimas notícias