O Superman e o vigilante letal conhecido como Meia-Noite são tão diferentes assim como a noite e o dia. Quando a iniciativa DC Future State for lançada no próximo ano, os dois estarão juntos interagindo na antologia Superman: Worlds of War.

Os escritores Becky Cloonan e Michael W. Conrad discutiram a aparição do Meia-Noite na edição, bem como sua conexão com o Homem de Aço.

“Não é segredo que o Meia-Noite já foi um análogo para o Batman, e vimos como o Superman conseguiu essa relação. Agora que Meia-Noite veio como alguém próprio, será realmente emocionante ver como o Superman pode enfrentar sua força selvagem, muitas vezes letal, que Meia-Noite usa contra seus inimigos.”, disse Conrad durante uma entrevista ao Newsarama.

Criado por Warren Ellis e Bryan Hitch para a série ‘Stormwatch’, Meia-Noite era para ser uma versão significativamente mais perigosa e mais “super” do Batman.

“Meia-Noite assume um papel interessante em Future State – ele é possivelmente o único que pode salvar o Superman, mas como ele vai fazer isso? Provavelmente não é de uma forma que o Superman aprovaria.”, acrescentou Cloonan.

Isso é em referência ao fato de que o Superman estará lutando como um gladiador em Worlds of War, durante os eventos de Future State. Cloonan e Conrad também revelaram que Meia-Noite encontrará um inimigo que o leva aos seus limites.

Superman: Worlds of War #1 estará à venda nos EUA em janeiro de 2021. Cloonan também está escrevendo Immortal Wonder Woman em DC Future State e assumirá funções de escrita sobre a Mulher-Maravilha pós Future State.

Via: Newsarama

Sobre Willyan

Publicitário. Diretor de Arte, Designer e Batmaníaco. Fã incondicional da DC Comics e pesquisador assíduo desse universo e todas as suas possibilidades de transformação.

Últimas notícias