Com a estreia da personagem em live-action anunciada, Laura De Mille é mais uma figura clássica a ganhar vida no extenso universo DC. Mas você realmente sabe quem foi a temida Madame Rouge?

Laura De Mille debutou em março de 1964, nas páginas da edição #86 de Doom Patrol, como um dos membros principais da Irmandade do Mal. Originalmente uma atriz de teatro francesa, Laura se transforma após um acidente automobilístico, que causa na jovem o desenvolvimento de uma dupla personalidade um tanto quanto malvada.

Chamando atenção do vilão Cérebro e seu associado, Monsieur Mallah, uma cirurgia foi realizada em Laura, retirando sua boa personalidade e permitindo que sua personalidade maligna predominasse, tomando conta da mulher que um dia Laura já foi. Assumindo um novo nome, Madame Rouge nasce, tornando Laura De Mille a única mulher como membro da Irmandade do Mal, e ajudando a Irmandade em seus conflitos contínuos contra a Patrulha do Destino.

Suas habilidades são maiores que seus poderes de fato. Conhecida por dominar a arte do disfarce, Madame Rouge se beneficiou da cirurgia que subsequente deu a ela a capacidade de alterar sua aparência física e esticar seus membros. Felizmente, sua cirurgia não foi tão eficaz, fazendo sua personalidade dividida retornar novamente em futuras aventuras com a Irmandade, assim entrando em conflito direto com os objetivos do grupo. Com sua personalidade ‘boa’ aparecendo ocasionalmente, Rouge começa um relacionamento romântico com Niles Caulder, ou “O Chefe“, líder e fundador da Patrulha do Destino.

Niles estava decidido a ajudar Rouge a superar seu lado maligno e aliar-se à Patrulha do Destino, mas infelizmente não obteve sucesso em sua missão. Por fim, a mente de Rouge volta ao seu estado maligno, fazendo-a se rebelar contra a própria Irmandade do Mal e buscar vingança contra a Patrulha do Destino, motivada pela ‘intromissão’ de Niles e sua insistência em querer curar sua anomalia.

Sua busca por vingança a leva ao sucesso, tornando Rogue a principal assassina de múltiplos membros dos dois grupos.

Apesar de ser o rosto principal do primeiro time da Patrulha do Destino, Rogue talvez seja mais conhecida por sua grande rivalidade contra o jovem Mutano. Anos depois da morte de seus colegas, Homem-Robô se une aos Jovens Titãs para rastrear Rouge e seu aliado, General Zahl. Em busca de retaliação por sua família adotiva, Mutano parte em uma procura incansável por Rouge, que acaba tendo momentos de bondade se manifestando em sua personalidade alternativa, a fazendo assumir seu amor por Niles. A rivalidade entre Mutano e Rogue se espalha por outras mídias, transformando a vilã em uma figura certa em futuras adaptações com os Titãs.

Sua história não passa de momentos trágicos, sendo usada e manipulada por ambos, Cérebro e O Chefe, que simultaneamente usaram mensagens subliminares para tornar suas personas boas e más dominantes, Madame Rouge mantém um espaço reservado no hall de vilões marcantes da DC, sendo representada na série animada Teen Titans, e Teen Titans Go, dublada pela talentosa Hynden Walch.

Agora para sua estreia em live action, a atriz Michelle Gomez foi escolhida para interpretar a vilã na terceira temporada da série Patrulha do Destino, pela HBO Max. Confira a descrição da sua personagem:

“Membro da Irmandade do Mal, uma mulher excêntrica e eletrizante que chega à mansão Doom com uma missão muito específica…se ao menos ela lembrasse dela.”

Ainda não há data definida para o retorno da série.

Sobre Juan

"Lembrai, lembrai, o cinco de novembro. A pólvora, a traição e o ardil; por isso não vejo porque esquecer; uma traição de pólvora tão vil" - “V for Vendetta”

Últimas notícias