A nova fase do Lanterna Verde nas HQ’s, pelas mãos de Grant Morrison e Liam Sharp, está a menos de um mês de seu lançamento, e a DC divulgou a capa variante do artista Frank Quitely para a sua primeira edição.

Quitely já trabalhou com Morrison em obras como Grandes Astros Superman, We3 e Novos X-Men, e optou por um conceito assustador em a sua arte, em que o herói é metade máquina, confira:

Anunciada para 7 de novembro, a nova linha colocará Hal Jordan em foco e abordará o cotidiano do herói:

“Ao invés da história épica e grande de 12 partes, estamos nos concentrando no dia-a-dia de um policial espacial. Basicamente, não temos mais histórias de fim do mundo. O conceito básico é o de que Hal Jordan é como um policial espacial que patrulha um setor do universo onde tudo pode acontecer. Fizemos como uma série policial”, diz Morrison.

Sobre Flávia

Avatar

Acredito em signos, no amor e em Snydeus. Gosto de tudo quanto envolve a cultura geek, e minha história com a DC não começou pelos heróis, mas sim pelos vilões. Personagens complexos e com profundidade têm um lugar especial no meu coração, então, nem preciso dizer que meus favoritos são Batman e Coringa.

Últimas notícias