– Atenção: Alerta de spoiler da edição ‘Dark Nights: Death Metal – Legends of the Dark Knights’, lançada recentemente nos EUA. –

A segunda história da edição, de Peter J. Tomasi, Riley Rossmo, Ivan Plascencia e Rob Leigh, começa com o Alfred Pennyworth contando a história da época em que criava Bruce Wayne. Nessa proposta, Bruce é completamente diferente do que conhecemos, ainda jovem ele começou a desenvolver tendências perturbadoras e sádicas. Alfred percebeu cedo a escuridão escondida dentro do jovem Bruce, quando a criança começou a cometer o abuso de animais e vários outros atos perturbadores.

Tudo isso culminou em uma cena que os fãs do Batman devem se lembrar – Bruce e seus pais deixando o cinema, quando um assaltante aparece e ameaça atacar a família. Então, o jovem Bruce rapidamente intervém, esfaqueando o assaltante na jugular e deixando-o sangrar até a morte. Quando Martha e Thomas Wayne percebem o que seu filho fez,  começam a conversar com ele sobre sua atitude violenta, e então Bruce atira em ambos em um ato brutal de violência. O jovem começa a chorar como se fosse a vítima da situação até que as autoridades chegam.

Depois, Bruce comenta com Alfred que a fortuna de seus pais em breve será dele, apenas para Alfred lembra-lo que não será do garoto, até que ele faça 18 anos. O Detetive Gordon então chega para perguntar ao Alfred sobre o ataque aos Waynes, e sugere que ele sabe sobre a verdadeira natureza de Bruce. Bruce então atira no pescoço de Gordon com uma besta, matando-o.

Ele então persegue o Alfred por toda a casa, antes que Alfred possa dominá-lo com dardos tranquilizantes, que logo se mostram ineficazes, enquanto Bruce explode pela janela ostentando uma versão distorcida do traje robin. Ele agradece ao Alfred por protegê-lo “até que ele estivesse pronto”, e parte para assassiná-lo também. Ao fim, ele se batiza como “o Rei Robin”.

O Rei Robin é uma versão pequena e sociopata de Bruce Wayne, estendendo ainda mais a ideia sobre a quantidade de Bruces malignos existem no Multiverso Sombrio.

Sobre Willyan

Willyan Bertotto

Publicitário. Diretor de Arte, Designer e Batmaníaco. Fã incondicional da DC Comics e pesquisador assíduo desse universo e todas as suas possibilidades de transformação.

Últimas notícias