A série Batman/Mulher-Gato, do escritor Tom King e do artista Clay Mann não se passa em alguma Terra alternativa, nem ao menos é um sonho sobre qual super-herói de longa data irá acordar. Desta vez, Selina Kyle, que faz parte da vida de Bruce Wayne desde “Batman #1″de 1940, e o solitário Cavaleiro das Trevas estão oficialmente em um relacionamento. “Eles são firmes em seu relacionamento. Não há “Eles vão se separar?”, disse King a EW.

Na mesma entrevista, King revela que a edição é uma história que sempre desejou contar.

“É uma história sem compromisso. Não vai ser tão bom quanto Batman: O Cavaleiro das Trevas. Você não pode chegar a esse lugar. Isso é como o infinito e você tenta. Mas quando falei com Frank [Miller] sobre isso, ele [disse]: ‘Eu queria ser livre e queria contar minha história.’ Isso parece assim para mim. Era tudo o que eu queria que uma história do Batman fosse. Dessa forma, parece ambicioso.”

Para King, colocar a história em três períodos de tempo (passado, presente e futuro), foi uma oportunidade para explorar uma questão com a qual ele se tornou obcecado à medida que envelhece: Há uma continuidade em um ser humano à medida que envelhecem? Será que nossos eu’s mais jovens morrem à medida que amadurecemos, e/ou nosso eu-presente morrerá quando atingirmos certa idade? Ou todas essas pessoas são iguais? Essas preocupações são ainda mais complexas quando você está lidando com Batman e Mulher-Gato, porque eles foram escritos e interpretados por tantos outros escritores ao longo de suas vidas fictícias.

“Bruce está na casa dos 20 anos e loucamente apaixonado por uma criminosa. O mesmo homem que Bruce é, na casa dos 30 anos é casado com essa criminosa, ou ele é o mesmo Bruce que no final dos anos 70 estava morrendo?”, diz King. “E o mesmo acontece com a Mulher-Gato: indo de infringir a lei para ser uma super-heroína, onde ela está cumprindo a lei, para a pessoa que ela sempre amou e cuidou da morte. Então agora ela está livre da presença de Bruce, o que ela faz quando ele se for? Ela se torna sua eu de 20 anos de novo? Ela se torna sua eu de 30 anos de novo? E olhando para o Batman, ser capaz de se concentrar nesses momentos, mas também expandir e contar uma história que não é sobre coisas de vilão da semana, mas é sobre toda a história de 85 anos do Batman, apenas [torna esta] a maior história possível.”

Confira abaixo algumas artes da edição revelado com exclusividade pela EW, a aparência da Fantasma nos quadrinhos, a vilã da animação ‘Batman: A Máscara do Fantasma’ de 1993;

 

Na animação ‘Batman: A Máscara do Fantasma’, Fantasma é a identidade secreta de Andrea Beaumont, uma ex-noiva de Bruce Wayne. Nessa continuidade, ela namora um jovem Bruce Wayne e o convence a não continuar sendo um super-herói. Depois que os laços mafiosos de sua família levam ela e seu pai a fugir em anonimato, um Bruce de coração partido volta aos velhos hábitos e retoma o seu papel como Batman.

Ao trazer Fantasma pela primeira vez para os quadrinhos, a expectativa dos criadores é que o leitor recorde “como seu coração disparou na primeira vez que você viu esse personagem, tanto em termos de ângulo de romance quanto de susto.”, disse King. O autor comenta que na edição #3, teremos uma incrível luta entre Fantasma e a Mulher-Gato.

Batman/Mulher-Gato #1 (de 12) estará a venda nos EUA a partir do dia 1º de dezembro.

Sobre Willyan

Willyan Bertotto

Publicitário. Diretor de Arte, Designer e Batmaníaco. Fã incondicional da DC Comics e pesquisador assíduo desse universo e todas as suas possibilidades de transformação.

Últimas notícias