Bom, normalmente ao ler quadrinhos, a tendência é desenvolver um vínculo com personagens de características mais humanas e cotidianas. Porém, existem outros exemplos que podem incluir extraterrestres nessa “regra”. Esses são quatro integrantes alienígenas dos Lanternas Verdes que são fortes, poderosos e importantes:

 

Sinestro

Começamos com possivelmente o maior antagonista do universo de Oa. Uma vez Lanterna Verde. Amigo de Abin Sur, viu o anel do colega passar para a mão de um humano sem responsabilidade e completamente imaturo. Além do mais, Parallax sempre rodeia a região. Combater o monstro com a força de vontade não era suficiente para ele. Então, a tentação do poder do medo amarelo, superou em relação à vontade verde. Sinestro virou um dos principais problemas da galáxia pela sua fúria implacável e desejo de propagar o terror por todos os setores universais.

 

Kilowog

Parça de Hal Jordan, esse competente rabugento e brincalhão é subestimado por ficar na sombra dos feitos do piloto de caça, mas sua jornada até ser tornar um Lanterna foi árdua e difícil, muito mais que vários líderes de setores. Salvar inocentes de uma invasão do exército de um rival, sendo que havia apenas três Lanternas iniciantes, é suficiente para dar moral.

 

Laira

Uma princesa de um reino em constante conflito que simplifica o sentimento de tristeza e perspectiva pessimista. Mas isso não impede ela de mostrar suas habilidades de combate mano-a-mano, com a possibilidade do anel criar armas e ferramentas dependendo da necessidade.

Abin Sur

Possivelmente o maior Lanterna Verde já existente. Abin Sur era exemplo para todos os outros Lanternas Verdes por sua índole e força de vontade que se destacava em relação aos outros. Os Guardiões o viam como o responsável pela Tropa. Isso de certa forma, prejudicou a continuidade da unidade da Tropa com a ascensão da vilania de Sinestro, mas ele não desistiu de seus valores e repassou seu legado para que Hal Jordan fosse o novo detentor do anel.

Sobre Matheus

Matheus Fernandes

Sou Matheus Fernandes, formado pela UNINOVE-SP em Comunicação Social – Jornalismo. 22 anos e não sou o melhor no que faço, mas para quem eu faço. Fã dos Lanternas Verdes, Batman e outros. Curte esportes americanos e futebol brasileiro e internacional.

Últimas notícias