Bom, o filme da Liga da Justiça está entre nós e depois de assistirmos provavelmente mais de uma vez, podemos perceber algumas pistas do futuro do DCEU por meio dos easter-eggs e referências.

Aqui vamos mostrar algumas delas e seus contextos:

The Flash – Cemitério Maldito

Pet Sematary é referência de uma das falas do Flash, no momento em que ele e Cyborg cavam o túmulo do Superman. O bizarro é que os zumbis de Cemitério Maldito são de um tipo improvável, alguns crianças , o que nos liga ao fato de o Superman ter uma “possessão” ou algo medonho que o torne mal, coisa impensável por tudo o que o personagem representa nos quadrinhos.

Quarto Mundo de Jack Kirby

Uma das criações mais interessantes do mestre Jack Kirby foi o Quarto Mundo, um Universo que “começou” na revista Superman’s Pal Jimmy Olsen, mas só existiu de verdade nos três títulos que sustentam esse Universo:

  • Povo da Eternidade
  • Novos Deuses
  • Senhor Milagre

Neste mundo, os Novos Deuses se dividem em duas “facções”, estabelecidas em planetas diferentes. Os principais personagens do planeta dos mocinhos, Nova Gênese, são: Grande Barda, Forrageador, Povo da Eternidade, Pai Celestial, Magtron (Lightray/Sollis), Órion, Senhor Milagre e Tákion. Já os principais personagens do planeta dos vilões, Apokolips, são: Darkseid, Seis Profundos, Desaad, Doutor Bedlam, Fúrias Femininas, Vovó Bondade, Glorioso Godfrey, Kalibak, Lobo da Estepe (vilão deste filme), Virman Vundabar e os parademônios, estes últimos, também presentes no longa.

Os principais objetos ligados a este mundo são: Equação Anti-Vida, Tubo de Explosão (método de transporte que cria buracos de minhoca para levar coisas e pessoas de um lugar para outro, tanto a curtas distâncias quanto entre galáxias. Eles também aparecem no filme); Caixa Materna (um computador com vida e inteligência própria, capaz de gerar e destruir coisas. Elas são utilizadas pelo Lobo da Estepe no filme para preparar o terreno para a vinda de Darkseid); A Fonte e a Super Moto.

Sala da Justiça

Primeiro aparecendo na série animada da Hannah-Barbera, Os Superamigos, a Sala da Justiça serviu de QG da Liga, tendo aqui a sua indicação em uma das últimas cenas da obra, quando Bruce resolve usar a antiga Mansão Wayne para construir o complexo, já falando de uma “mesa com lugares para outras pessoas“. Nos quadrinhos, o Hall of Justice assumiu as mesmas funções de QG  no final do arco O Rastro do Tornado.

Ace Chemichals e Janus Cosmetics

Local onde acontece uma das mais famosas cenas do Coringa com a Arlequina em Esquadrão Suicida, o letreiro da Ace Chemichals aparece em uma das cenas em Gotham. Uma indicação visual da mesma categoria é vista com o nome Janus, também em Gotham. A corporação é regida por Roman Sionis, que depois de tê-la perdido, após a compra pela Wayne Foundation, se torna o vilão Máscara Negra.

Liga da Injustiça e Slade Wilson, o Exterminador

Uma das cenas que mais fizeram os espectadores pularem em suas cadeiras no cinema foi a segunda cena pós-créditos. Nela, temos Lex Luthor, recém foragido de Arkham, convocando algumas reuniões. Na referida cena, aparece ninguém menos que Slade Wilson, o Exterminador, interpretado por Joe Manganiello. Luthor fala para ele que quer formar “uma Liga própria“. O grupo foi inicialmente chamado de Injustice Gang e depois mudou o seu nome para Liga da Injustiça.

Bom, é só por hoje!

Liga da Justiça está em exibição nos cinemas! Leia nossa crítica sem spoilers aqui!

Sobre Matheus

Matheus Fernandes

Sou Matheus Fernandes, formado pela UNINOVE-SP em Comunicação Social – Jornalismo. 22 anos e não sou o melhor no que faço, mas para quem eu faço. Fã dos Lanternas Verdes, Batman e outros. Curte esportes americanos e futebol brasileiro e internacional.

Últimas notícias