O ator Joel Kinnaman, que interpretou o personagem Rick Flag em Esquadrão Suicida, afirmou em entrevista ao Yahoo! o que, para ele, deu errado no projeto do primeiro filme. Sem ficar em cima do muro, cravou o terceiro ato como ponto fraco do longa por envolver mais feitiçaria e menos o plano real.

“Foi uma ótima configuração, com grandes personagens. Eu acho que quando fizermos o segundo, não ficaria surpreso se víssemos uma versão mais aterrada do filme. Os personagens são tão extremos que poderiam ser mais eficazes se víssemos menos feitiçaria. Eu acho que os personagens se tornam mais extremos se você os vê em conjunto com pessoas reais “.

Com mais de 3oo milhões de dólares em bilheteria nos EUA e um Oscar na galeira do primeiro longa, a sequência do filme que reúne um grupo de vilões de respeito do universo DC ainda não possui data de estreia. Gavin O’Connor é responsável pelo roteiro e direção. Michael De Luca trabalha na produção de Esquadrão Suicida 2 em conjunto com Charles Roven.

Sobre Leonardo

Leonardo Henrique

Me apresento da não tão distante Ribeirão Pires City, minha residência oficial desde que nasci. Formado em artes cênicas pela ELT e, recentemente, em jornalismo. Em tempos de Crise Infinita o momento exige Multiversões de si mesmo. Acreditem, não é uma Piada Mortal, isso foi apenas uma veloz apresentação. Se o caso é parar um asteroide, resolver um mistério ou acabar com uma guerra sabemos quem se deve ter por perto. Para informações sobre a DC este é o lugar…

Últimas notícias