Coringa | Roteiro do filme define o destino de Sophie

O filme “Coringa” do diretor Todd Phillips e com Joaquin Phoenix no papel principal segue em alta nas discussões, principalmente pelos diversos prêmios que o filme já conquistou.

Recentemente, o roteiro original do filme foi disponibilizado na íntegra na internet. -Confira aqui-

E duas coisas interessantes foram reveladas. A primeira é que o filme do Palhaço do Crime não possui nenhuma conexão com outras produções da DC nos cinemas. No texto, o diretor Todd Phillips deixa um aviso:

Esta história se passa em seu próprio universo. E não tem conexão com nenhum filme da DC que já foi feito. O que vemos é um filme clássico da Warner, sombrio, intimista e estranhamente divertido. Os personagens vivem no mundo real. Ainda que nunca seja mencionado no filme, esta história se passa no passado. Digamos que seja 1981. É um tempo difícil. A taxa de crime de Gotham bate recordes. E a divisão de classes é palpável. Os sonhos estão além do alcance, se tornando desilusões.”

Já a segunda revelação é sobre a Sophie, personagem interpretado pela atriz Zazie Beetz.

No filme, Arthur Fleck deixa o apartamento de Sophie, mostrando que seu relacionamento com ela poderia ser uma grande alucinação da sua mente. Não ficou evidente, contudo, o que o Coringa fez com ela e a filha.

No roteiro revelado recentemente, em uma cena posterior, mostra que Sophie não foi ferida por Arthur. Ele deixa uma nota com dinheiro para a personagem, pedindo que assista ao programa Murray Franklin Tonight. Então Sophie assiste ao momento em que o Coringa atira contra Murray, ao vivo.

“Sophie grita e fica horrorizada com a cena. Sua filha GiGi acorda para ver o que está passando na televisão, que mostra o Coringa encarando a câmera com sangue em seu rosto pintado”, afirma o roteiro.

Ao fim das contas, as cenas foram excluídas para não quebrarem o ritmo e tom do filme.

A versão digital de “Coringa” já foi liberada.

Willyan Bertotto

Willyan Bertotto

Publicitário e pós-graduando em Gestão Empresarial. Diretor de Arte, Designer e Batmaníaco. Fã incondicional da DC Comics e pesquisador assíduo desse universo e todas as suas possibilidades de transformação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *