Falando no The Howard Stern Show no início desta semana, George Clooney revelou que ele era apenas uma engrenagem na máquina durante o filme “Batman & Robin” de 1997. Ele continua dizendo que os principais atores envolvidos não estavam orgulhosos do trabalho que produziram, revelando até que alguns nem se viram durante as filmagens.

“Nós nunca nos vimos”, disse Clooney sobre Schwarzenegger. “É uma grande máquina de monstros, e eu meio que pulei e fiz o que eles disseram.”

O perfil de Clooney como um dos principais atores de Hollywood ainda não estava intacto quando ele assumiu o papel de Batmann. Ele deixou claro que era uma de suas maiores oportunidades nessa fase em sua carreira.

“Eu não poderia ter feito isso de forma diferente.”, disse Clooney. “É uma máquina grande, aquela coisa. Você tem que se lembrar que naquele momento, eu era apenas um ator conseguindo um emprego de ator. Eu não era o cara que podia dar luz verde a um filme.”

Ele acrescentou que muitas pessoas envolvidas com Batman & Robin, incluindo o escritor e diretor, admitiriam que o filme não era tão bom quanto poderia ter sido.

“A verdade é que eu era ruim nisso. Akiva Goldsman — que ganhou o Oscar de roteirista desde então — escreveu o roteiro. E é um roteiro terrível, ele vai te dizer. Eu sou terrível nele, eu vou te dizer. Joel Schumacher, que acabou de falecer, dirigiu, e ele disse: “Sim, não funcionou.”” disse o ator.

“Batman & Robin” estreou em 1997 e arrecadou U$238,2 milhões de dólares no mundo todo.

Via: [ComicBook].

Sobre Willyan

Willyan Bertotto

Publicitário. Diretor de Arte, Designer e Batmaníaco. Fã incondicional da DC Comics e pesquisador assíduo desse universo e todas as suas possibilidades de transformação.

Últimas notícias