Nas cenas finais de “Batman: O Cavaleiro das Trevas”, o Harvey Dent de Aaron Eckhart foi morto, resultando no Batman assumindo a culpa pela sua morte para poupar o povo de Gotham City de saber dos terríveis crimes do Duas Caras, embora Eckhart note que, se seu personagem tivesse vivo, ele teria feito com que o povo de Gotham descobrisse a verdade sobre o terrível vilão que ele havia se tornado.

Isso é totalmente hipotético, é claro, pois exigiria que Dent soubesse sobre o vilão que ele se tornaria depois de ser horrivelmente ferido durante uma explosão, criando assim um paradoxo onde ele poderia evitar esse trágico destino.

“Não, ele teria dito a verdade. Essa é a grande coisa sobre Harvey Dent”, confirmou Eckhart ao The Hollywood Reporter quando perguntado se seu personagem mentiria para Gotham City. “Apesar do acontecimento, ele é um contador de verdades e um centro moral. E não só isso, ele é a face da verdade, certo? Não quero dizer que ele não está se escondendo atrás de algo, mas não está. Agora, quando ele se torna o Duas Caras, ele é. Mas Harvey Dent estava lá fora lutando por cada homem e mulher, pela verdade e pela justiça, e ele se colocou na linha. Mas tendo feito isso, ele foi mordido…ele foi mudado para sempre. Mas você não quer perder seus Harvey Dent’s na vida. Não importa quanto dinheiro ou pressão exista, não importa quanta coerção, controle ou corrupção aconteça, Harvey Dent vai permanecer fiel ao centro moral e a verdade.”

Apesar da mentira contada por Jim Gordon sobre o destino de Dent, que resultou em anos de paz na cidade, Eckhart observou que ele acha que uma mensagem mais forte teria sido transmitida se as falhas do político fossem expostas.

“Quando você se torna um político, se espera que você se corrompa, e são aquelas pessoas que não se tornam corrompidas que se destacam.”, apontou o ator. “Caso contrário, a vida é uma mentira. Aqui estamos nós, adorando políticos, estrelas do esporte, celebridades, e todo esse tipo de coisa, e ainda assim, não sabemos se eles estão corrompidos ou não. Não sabemos por que estão tomando suas decisões ou o que está acontecendo nos bastidores. Então, quando você descobre que alguém tem sido fiel a si mesmo e fiel à verdade, isso é um pássaro raro. Então eu acredito que Harvey não aprovaria o Duas Caras ou a mentira que foi contada.”

O Homem Morcego retorna aos cinemas em “The Batman”, previsto para chegar aos cinemas no dia 4 de março de 2022.

Via: [ComicBook].

Sobre Willyan

Willyan Bertotto

Publicitário. Diretor de Arte, Designer e Batmaníaco. Fã incondicional da DC Comics e pesquisador assíduo desse universo e todas as suas possibilidades de transformação.

Últimas notícias