Finalmente estamos no mês de um dos filmes mais esperados do ano!

“Aves de Rapina: Arlequina e sua Emancipação Fantabulosa” estreia dia 6 de Fevereiro aqui no Brasil e o Terraverso hoje vai te dar 5 motivos para você chamar toda família e amigos, ir nos cinemas e ver esse filme.

Lembrando que esse filme DEFINITIVAMENTE não é para crianças.

1 – EMANCIPAÇÃO

Sei que muita gente gosta do Coringão, mas em Aves de Rapina, a Arlequina tenta se desvincular do Coringa e começar uma nova história.

O intuito do filme é trazer uma vibe positiva em relação a melhora individual da personagem que sempre foi vista como a sombra do Coringa. Nesse filme, segundo a própria Margot Robbie, a personagem está arrasada, a gente não vê aquela confiança que vimos em ‘Esquadrão Suicida’, ela está vulnerável, um pouco triste e tentando buscar algo que a deixe viva novamente, como novas amizades.

Aves de Rapina, tem a missão de apresentar de vez ao público como a nossa Arle funciona sozinha. Opa, não tão sozinha assim…

2 – AS PASSARINHAS

Além de Aves de Rapina nos mostrar uma Arlequina totalmente diferente do que vimos em “Esquadrão Suicida” e com mais essência própria em busca de algo só dela, não é somente ela que tenta achar toda essa emancipação, no desenvolver ela conta com a ajuda de uma equipe de mulheres que alguns já conhecem e que não brincam em serviço.

Com a Caçadora, Canário Negro, Renee Montoya e Cassandra Cain a Arlequina descobre que não é apenas ela em Gotham que está em busca de emancipação, e todas as personagens tem um objetivo em comum, e acaba que no meio de toda essa confusão, elas desenvolvem uma amizade incrível e muito bagunçada.

A ideia era passar uma imagem forte de um grupo de mulheres unidas por alguma coisa, e que a Arlequina precisava de algo desse tipo para completar a sua busca por amor e identidade própria. Imperdível com um elenco lindo desses né?

3- OS VILÕES

Com Ewan Mcgregor como Máscara Negra e Chris Messina como Victor Zsasz a gente não podia esperar nada diferente do que aclamação. Algumas reações das pessoas que viram o filme falam que esses dois juntos funcionam tão bem e que são os melhores vilões que já estiveram na DC Films.

O Ewan Mcgregor define seu personagem como misógino que só aguentava a Arlequina por ela ser namorada do Coringa, e como a personagem já não mais se relaciona com ele, isso o enlouquece. Já o Chris confirma que essa dupla tem um relacionamento bem peculiar e um amor pela anarquia, como se seu  personagem tivesse uma “obsessão” pelo Máscara.

Como o filme é para maiores, podemos ver algumas cenas bem pesadas desses dois vilões com bastante sangue.

O que será esses dois vão aprontar nos cinemas?

4- ESTILO

O que faz Aves de Rapina ser tão especial para a Arlequina não é só todo o contexto emocional que a personagem se encontra e sim todos os detalhes ao seu redor. Uma Gotham colorida e diferente de tudo que já vimos é como a personagem enxerga a cidade, ao mesmo tempo que ela quebra a 4º parede conversando com o público.

O visual da personagem é algo que definitivamente vai ficar marcado no filme, porque ela troca de roupa diversas vezes. Assim, associamos com o fato dela estar em constante mudança emocional.

Em “Esquadrão Suicida” a blusa da personagem era uma homenagem ao seu Pudinzinho, enquanto em Aves de Rapina a sua roupa é cheia de Harley mostrando a busca de amor próprio da personagem.

5- REPRESENTATIVIDADE

Aves de Rapina foi um trabalho de anos da nossa querida Margot Robbie ao tentar produzir esse filme. Teve que convencer a Warner para aprovar um filme voltado a maiores de idade, com uma equipe feminina. Margot desejava apenas uma equipe de mulheres trabalhando nele.

Com a diretora indie Cathy Yan escolhida a dedo pela nossa Arlequina, a roteirista Christina Hodson (Bumblebee) e a própria Margot produzindo, o filme foi se juntando e criando um universo diferente, com uma gangue de mulheres e com representatividade LGBT+ tanto na “heroína” quanto nos vilões.

O filme é repleto de violência, palavrões, e um elenco diversificado apresentando uma Cassandra Cain com descendência filipina e coreana, uma Canário Negro interpretado por uma atriz negra que gerou controvérsia entre fãs mais conservadores, e que até mesmo tentaram prejudicar o filme. Porém, Aves de Rapina é um filme de ação, feito por mulheres, com um público alvo bem definido mas que todos podem se divertir.

A luta de um grupo feminino em busca de uma emancipação que pode ser encontrada com amizade, e com apoio. A sororidade que o filme mostra é que as personagens não são heroínas, são cheias de defeitos e que estão construindo algo juntas, e isso faz com que outras pessoas possam se identificar enquanto assistem.  

Aves de Rapina estreia no dia 6 de fevereiro nos cinemas.

Sobre Sana

Sana Lima

Olá, me chamo Sana tenho 19 anos e curso Direito, atualmente no 4º período. Sou apaixonada por criminologia e política, o que fez apaixonar-me cada vez mais pela DC Comics, mas isso começou quando eu era criancinha e vi pela primeira vez a Shayera em Liga da Justiça Sem Limites e decidi que tinha que ser ela HAHAHAHA. Espero contribuir para o Terraverso com minha bagagem que está se desenvolvendo cada vez mais no universo da DC Comics.

Últimas notícias