Superman: Entre a Foice e o Martelo

Imagine um universo paralelo onde o maior símbolo da maneira de vida americana fosse um soviético comunista que vive por ajudar o povo pobre e faminto da U.R.S.S. Além de usar o contexto histórico da Guerra Fria, a inserção dos personagens é feita conforme os interesses já estabelecidos anteriormente. Esses fatores unidos além da perspectiva pouco imaginada e sagaz são motivos para dar uma lida. A HQ é uma das mais bem avaliadas do personagem tanto por público e crítica por dar uma nova camada humana a Kal-El. Mark Millar escreve a história e os desenhos são da autoria de Paul Johnson.

Na Noite mais densa

Fechamento de um renascimento do personagem, a Noite mais densa é a tentativa de um Ragnarok no universo DC. Com o surgimento dos anéis negros e seu peculiar poder (sem spoiler) e a junção de diversos fatos que afetaram outros universos, se transformou em uma epopeica jornada de batalhas e com a demonstração dos poderes de um herói possuem. História de Geoff Johns e desenho do brasileiro Ivan Reis.

Reino do Amanhã

Possivelmente um dos melhores arcos da Liga da Justiça, essa HQ aborda os heróis em um período “sabático”, afastados dos grandes conflitos. Porém um fato provoca o retorno dele e posteriormente de seus aliados. O grande acerto da história é mostrar a tentativa de super-poderosos tentarem assumir sua humanidade e ao mesmo tempo viver um conflito de identidade. História de Mark Waid e desenhos (sensacionais) de Alex Ross.

Asilo Arkham

Junte boa parte dos vilões do Cavaleiro das Trevas dentro de um local sujo, insano e sangrento. Esse é a atmosfera que Bruce Wayne terá que enfrentar para cumprir sua missão. A competência de Grant Morrison emerge na história quando a loucura e insanidade vivida fica impressa no desenho e nas falas dos personagens. A razão de você se sentir maluco, desnorteado e assustado deixa pregado nos acontecimentos. Chega ao ponto que a interpretação fica dúbia e possibilita várias explicações. Desenhos de Dave McKean.

Hiketeia

Existe uma corrente na fandom da DC sobre um relacionamento entre Diana Prince e Bruce Wayne ser mais pessoal. Aqui chega a abordar a amizade entre os dois, mas a inserção de um dilema vivida por uma conterrânea personagem dá o sentido da história acaba por mexer com suas considerações e sentimentos. Essa HQ é usada de exemplificação da força da Mulher-Maravilha e da impotência humana do Batman vive dentro de um mundo cercado por “deuses”. Roteiro de Greg Rucka. Desenho de J.G. Jones e Wade Von Grawbadger.

Clique aqui e confira a parte II dessa lista!

Sobre Matheus

Matheus Fernandes

Sou Matheus Fernandes, formado pela UNINOVE-SP em Comunicação Social – Jornalismo. 22 anos e não sou o melhor no que faço, mas para quem eu faço. Fã dos Lanternas Verdes, Batman e outros. Curte esportes americanos e futebol brasileiro e internacional.

Últimas notícias