Lendas do UDC | Leia a resenha de Mulher-Maravilha Vol. 2 – Terraverso | Site de conteúdo segmentado sobre a DC Entertainment no Brasil!                          
HQ's Resenhas

Lendas do UDC | Leia a resenha de Mulher-Maravilha Vol. 2

A continuação do primeiro volume de Lendas do Universo DC Mulher-Maravilha apresenta histórias e vilões icônicos como a Mulher-Leopardo, uma das inimigas mais famosas da Mulher-Maravilha, criaturas mitológicas como a Hidra, o Minotauro, o Ciclope, e até mesmo os próprios Deuses, que apesar de guiarem Diana e as amazonas, acabam sendo responsáveis por muitos dos problemas que a princesa tem que lidar. Com uma arte exuberante e um roteiro maravilhoso escrito por George Pérez, essa edição é um prato cheio para os leitores veteranos, no entanto, serve perfeitamente para os iniciantes, que podem começar sua jornada pelos quadrinhos por essa coleção sem serem prejudicados pela cronologia anterior. Segue a resenha do volume:

Roteiro: George Pérez e Len Wein

Desenhos: George Pérez

Arte-Final: Bruce Patterson

Cores: Tatjana Wood e Carl Gafford

Editor Original: Karen Berger

Tradução: Daniel Lopes e Paulo França

Letras: Donizete Amorim

Editores: Bernardo Santana

Número de páginas: 180

Editora: Panini

Volume: 2

Preço de capa: R$ 25,90

Passagem de tempo

Após os acontecimentos do volume anterior, Diana tem ainda mais ocupações no mundo do patriarcado. Além de sua missão de passar a sabedoria amazona ao mundo dos homens, Diana terá que atestar sua autenticidade como super-heroína, passando por diversos testes e entrevistas. Nessa edição acompanhamos os dias de Diana através de suas amigas Etta Candy, Myndi Mayer, Julia e Vanessa Kapatelis. Enquanto isso Bárbara Minerva arma seu plano para se aproximar da princesa, com o objetivo de lhe tomar o laço da verdade.

O sangue da Mulher-Leopardo

Bárbara Minerva envia uma carta a Mulher-Maravilha informando que tem posse do segundo cinturão de Gaia, que anteriormente pertencia a tia de Diana. Intrigada a princesa vai até Bárbara, no entanto, não há cinturão algum, Bárbara apenas queria o laço de Diana. Desolada a princesa das amazonas vai embora para a casa de Julia Kapatelis, onde a Mulher-Leopardo aparece para tentar matá-la. Salva por Julia, Diana percebe que já não deve mais viver no mundo do patriarcado e volta para o lar das amazonas, a ilha paraíso.

Paraíso Perdido

Zeus, influenciado pelo deus-bode , deseja ter Diana para si, assim como as demais amazonas. Ao rejeitá-lo Diana põe em risco sua vida e a vida de suas irmãs da Ilha Paraíso. Para provar a Zeus que Diana e as amazonas possuem valor e são devotas dos deuses de verdade, Hera a as demais deusas propõem um julgamento, onde Zeus desafia Diana a cumprir missões, derrotando criaturas e provando seu valor ao deus dos deuses.

Fogo e Tormento

O primeiro desafio a ser cumprido pela princesa Diana é derrotar a terrível Hidra, com suas inúmeras cabeças. Enquanto isso Hipólita questiona seus deuses e decide não mais obedecê-los partindo para salvar sua filha, porém, as amazonas não pretendem deixar sua rainha questionar seus deuses. Diana acaba se afastando do plano de , encontrando, no mundo de Hades, a mulher cujo nome ela ela herdou, Diana Trevor, mãe de Steve Trevor e amiga das amazonas.

Ecos do Passado

Enquanto Hipólita luta contra as armadilhas de , a princesa Diana escuta a história de Diana Trevor, que assim como seu filho Steve, sofreu um acidente de avião e caiu na ilha paraíso no momento em que as amazonas lutavam contra a criatura chamada Coto. Sem pensar duas vezes, Diana Trevor usa seu revolver para matar a criatura, porém não resiste a batalha e acaba morrendo. Como homenagem as amazonas preservaram sua bandeira e sua arma.

Praga Demoníaca

Hipólita encontra em sua jornada seu inimigo Herácles em forma de pedra e se pergunta o que ele fez para receber tal destino, mas antes de ajudá-lo, Hipólita deve encontrar sua filha e ajudá-la em suas missões. Os deuses descobrem que um impostor ocupa o lugar do deus-bode e percebem que os desafios impostos a Diana são armadilhas dos Caçadores Cósmicos. Diana retorna a tempo de salvar sua mãe das mãos do Ciclope,  juntas tentam libertar Herácles lutando contra os monstros que o aprisionam. Ao final da batalha Diana recebe outro desafio, dessa vez do deus Hermes, ela deve voltar ao mundo dos homens e vingar a morte de .

Pela gloria de Gaia

Após pedir perdão as amazonas por tudo o que havia feito e dito de ruim a elas, Herácles finalmente retorna ao Olimpo e é perdoado por seus pecados. A paz é restaurada na Ilha Paraíso, já não há mais necessidade de lutar, as amazonas podem viver tranquilas e sem medo. Uma decisão é feita em relação ao mundo do patriarcado, as amazonas desejam aprender mais sobre esse mundo assim como desejam ensinar a sabedoria amazona. Então Diana volta para o mundo dos homens, dessa vez como embaixadora de Themyscira.

Essa edição reúne as histórias publicadas em Wonder Woman 8-14

Passagem do tempo – Wonder Woman 8

O sangue da Mulher-Leopardo – Wonder Woman 9

Paraíso Perdido – Wonder Woman 10

Fogo e tormento – Wonder Woman 11

Ecos do passado – Wonder Woman 12

Praga demoníaca – Wonder Woman 13

Pela glória de Gaia – Wonder Woman 14

Mas e aí? Já leram Mulher Maravilha Vol. 2? Não esqueçam de deixar suas opiniões nos comentários e até a próxima postagem =D

Terraverso
no Facebook

Terraverso
no Twitter

Terraverso
no Instagram

Conheça o Terraverso

Somos o portal Terraverso! Um site de conteúdo segmentado sobre a DC Entertainment aqui no Brasil. Um projeto desenvolvido por fãs ávidos desse multiverso de mundos e personagens. Acompanhe aqui as principais novidades e informações da DC, além de matérias especiais, críticas, entrevistas, resenhas e o nosso podcast chamado Ramal 52. Seja bem-vindo DCnauta, a casa das lendas é aqui!