AVISO: O texto a seguir contém spoilers da edição ‘Liga da Justiça #54′, de Joshua Williamson, Xermanico, Romulo Fajardo Jr. e Tom Napolitano, lançada recentemente nos EUA.

Em ‘Dark Nights: Death Metal’, a Terra foi refeita como um deserto distópico noturno pelo Batman-Que-Ri. O vilão do Multiverso Sombrio criou uma nova versão da realidade que foi dividida principalmente em quatro territórios: Castle Bat, Themyscira, Megapokolips e a Arkham Wastelands.

À medida que o evento avançava, os super-heróis do Universo DC se dividiram em grupos para ir em missões separadas que os ajudarão a derrotar Perpétua e salvar toda a realidade. Na edição “Liga da Justiça #54″, Asa Noturna lidera seu próprio grupo de heróis composto por Starfire, Cyborg, Detetive Chimp, Gavião Negro e Lex Luthor em Arkham Wastelands com o objetivo de encontrar o trono da Perpétua

Mas para chegar lá, eles terão que atravessar outro território assustador do Metalverso: o Vale de Starros, o próprio pesadelo Lovecraftiano na DC. Arkham Wastelands é um território que abriga muitas criaturas de pesadelos. Na verdade, esta é uma terra governada pelo Dr. Arkham, um Bruce Wayne distorcido do Multiverso Sombrio especialista em experimentos humanos e animais grotescos. No início de Liga da Justiça #54, a equipe de Asa Noturna enfrenta algumas das criações do vilão.

Enquanto eles continuam sua perigosa jornada para terras desconhecidas, no entanto, eles logo se deparam com uma visão monstruosa: o Vale de Starros, um grande cânion povoado por dezenas de Starros.

Starro, o Conquistador, é uma estrela gigante alienígena que enfrentou a Liga da Justiça em várias ocasiões. O vilão é conhecido por ter o poder de criar esporos de si mesmo, mas geralmente são versões em miniatura do tamanho de estrelas do mar comuns. No entanto, o Vale de Starros está cheio de estrelas do mar gigantes. Embora estejam adormecidas, seus tentáculos criam uma paisagem aterrorizante que parece quase impossível de atravessar.

Lex Luthor explica que este é um exército que vem de um mundo do Multiverso Sombrio onde o Batman é controlado por Starro. Eles ficam esperando em seu vale a chegada de alguém para que eles possam atacar.

Asa Noturna e seus amigos caem direto em uma armadilha. De fato, os Starros usam suas habilidades telepáticas para mergulhar os heróis em um estado hipnótico de sonhos. Luthor consegue tirar Dick Grayson acordado, a tempo de evitar que ele seja mastigado em pedaços por um dos Starros.

Este é um lembrete para os heróis de como o vilão é realmente perigoso. Afinal, já faz algum tempo que a ameaça de Starro foi esquecida. Durante o evento de 2018, Justice League: No Justice, o vilão se juntou aos super-heróis para lidar com a ameaça dos Omega Titans. Starro foi morto durante o confronto, mas Batman manteve um de seus esporos para cultivar sua própria estrela do mar alienígena em um frasco. Chamado Jarro, esta versão do personagem imagina-se ser o maior Robin de todos os tempos, e ele se tornou um membro valioso da Liga da Justiça.

Na verdade, toda a esperança de salvar o Multiverso agora está em Jarro e suas poderosas habilidades telepáticas. Jarro é adorável, o que é algo que não podemos dizer sobre o verdadeiro Starro ou esse sombrio Vale de Starros. Isso é realmente assustador, e Asa Noturna e seus amigos estão longe de sair do perigo ainda.

Via: [CBR].

Sobre Willyan

Willyan Bertotto

Publicitário. Diretor de Arte, Designer e Batmaníaco. Fã incondicional da DC Comics e pesquisador assíduo desse universo e todas as suas possibilidades de transformação.

Últimas notícias