Originário da Terra 44 do multiverso sombrio, onde temos como mote para sua transformação a morte violenta e sanguinária de Alfred pela galeria de vilões do homem morcego. Bruce sempre remoeu a morte de seus pais biológicos e usava isso como motivação, agora percebe que a perda daquele que lhe acompanhou a vida toda, causa um dado colateral irreparável.

Diferente de Morte Rubra, esse Batman busca essencialmente vingança e redenção, e para tal, ele cria uma inteligência artificial do Alfred com a ajuda do Cyborg. Algo semelhante ao Irmão Olho do multiverso regular, mas baseada no Alfred, que ao ser colocado em prática, torna-se um holograma sólido que mata todos os internos do Arkham e posteriormente, aqueles heróis que tentaram impedir sua vingança.

Essa máquina criada por Bruce absorve o corpo e alma do próprio Batman, criando para si uma visão distorcida do que seria um mundo ideal. A diferença é que esse Cavaleiro das Trevas não tem medo ou remorso, é apenas uma máquina de matar programada para proteger o Bruce.

Já no multiverso regular ele foi responsável por tomar a Torre de Vigilância e infectar com o seu próprio vírus várias cidades da Terra, com o uso de poderes semelhantes ao do Cyborg.

Sobre Marcelo

Avatar

Empresário, amante da DC Comics.

Últimas notícias