“Segunda Guerra Mundial, um grupo de aviadores tem a missão de destruir um porta-aviões inimigo muito bem fortificado…. eles conseguem obter sucesso dando as suas vidas, mas um deles é encontrado vivo desta missão suicida, o piloto Richard Montgomery Flag, que retorna como um herói para o seu país.”

Rick Flag é o nome das três gerações de heróis de guerra do universo DC e líder da Força Tarefa X, o Esquadrão Suicida. Criado em 1959 por Robert Kanigher e Ross Andru, ele teve sua primeira aparição em The Brave and The Bold #25, sendo um dos personagens mais antigos da equipe formada pelos vilões mais casca grossa da Terra.

Na edição Brave and The Bold conhecemos a segunda  encarnação do personagem, o coronel Rick Flag Jr., já com uma posição de líder da “primeira” equipe a ser chamada de Esquadrão Suicida (nome dado por serem pessoas capazes de sacrificarem tudo para salvar a maior quantidade de vidas possível) mas posteriormente, conhecemos o primeiro Flag, na história Secret Origins#14 contando não apenas a origem do Rick Flag Jr. mas mostrando a importância da existência de um Esquadrão Suicida e seu líder.

Na fase d’Os Novos 52, Rick Flag não assume o  papel de líder do Esquadrão, sendo substituído pelo vilão Pistoleiro e possuindo um papel de liderança diferente do que era utilizado nas histórias da equipe, em que o líder era o que tinha um aspecto mais heroico.

Rick Flag é um personagem que assim como muitos conhecidos do universo DC, já apareceu em diferentes mídias. Nas animações esteve em Liga da Justiça Sem Limites no episódio 17, intitulado Força Tarefa X, cuja versão que aparece é Rick Flag Jr, liderando uma equipe do Esquadrão Suicida em uma missão de infiltração na Torre de Vigilância da Liga, tendo uma pequena referência ao histórico militar do primeiro Rick Flag.

No episódio, quem deu voz ao personagem foi o ator Adam Baldwin, que retornou no jogo Batman: Arkham Origins Blackgate lançado em 2013. Em 2008, Flag tem uma participação em Liga da Justiça: Nova Fronteira, sendo interpretado por Lex Lang.

Na TV, o personagem teve uma participação no seriado Smallville durante a décima temporada, nos episódios Lazarus, Shield, Ambush e Collateral. Neste último, o herói esteve trabalhando ao lado de Chloe Sullivan para ajudar o Arqueiro Verde. Flag foi interpretado por Ted Whittall, surgindo no seriado com o nome civil do personagem Richard Stafford. Além das aventuras do Superboy, Flag foi citado em Arrow, no décimo sétimo episódio da terceira temporada intitulado, Suicidal Tendences.

A primeira aparição do coronel Rick Flag em um filme longa metragem foi no Esquadrão Suicida, em 2016, sendo interpretado por Joel Kinnaman. Inicialmente, Tom Hardy, que havia participado como o vilão Bane em Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge era cotado para o papel, porém por conflitos de agenda não pode participar do filme lançado em agosto de 2016. A produção recebeu muitas críticas e houve muita polêmica a respeito de interferência no corte final, mas conseguiu a soma de $746.8 milhões em bilheteria e um novo filme.

No longa, Flag é um dos pontos centrais da trama por sua relação com a doutora June Moone (Magia), e a sua relação conflituosa com toda a Força Tarefa X. Um detalhe interessante sobre o longa se dá pelo fato dos dois personagens que lideram o Esquadrão Suicida nos quadrinhos estarem na mesma equipe, sendo Flag o primeiro líder e o Pistoleiro o mais recente, interpretado por Will Smith.

Independente de qual versão seja, pai, filho ou neto, as características e traços da personalidade são sempre semelhantes, com um direcionamento moral voltado para o heroísmo e a capacidade de liderança, procurando extrair sempre o melhor de cada membro.

‘O Esquadrão Suicida’ estreia nos cinemas no dia 5 de novembro.

Sobre Ricardo

Fã de quadrinhos, séries, filmes e games. Apaixonado por DC de Grant Morrison a Alan Moore. Mais um privilegiado de estar na amada Terraverso.

Últimas notícias